Descrição

Os Krahô dominam técnicas ancestrais de tecelagem e trançados com as quais eles produzem cestos, bolsas, tipitis, esteiras, pulseiras, colares, gargantilhas, brincos, instrumentos musicais e ornamentos ritualísticos, usando os recursos do buriti, do tucum, da cabaça, da casca do cajá, do pau-brasil, da semente de tiririca e cabeça de formiga e várias outras.

As fibras naturais e sementes do Cerrado são utilizadas com atenção à expressão do grupo e da criatividade de cada artesã e artesão. A Tiririca, tipo de semente comum da região, é a principal matéria prima para confecção de adornos corporais e vários objetos rituais de diferentes formas e tamanhos. Coletadas pelas mulheres mais velhas no período entre julho e agosto, a tiririca passa por um longo e delicado processo até ser transformada em conta para tecer.

Alguns dos padrões empregados são conhecidos, como o jabuti (kapran hôc), cascavel (patti hôc), jiboia (hàkati hôc), etc. Porém, tantos outros são criados pelas mulheres no ato do tecer, as quais referem-se a eles como “não tem nome, vem do meu pensamento” (ita mã ite amjikãm iapaxà) refletindo a criatividade do pensamento de cada mulher.

Informação adicional

Peso0,1 kg
Dimensões17 × 3,5 × 0,2 cm

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “Pulseira Krahô – 3,5 x 17 – nº 02”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Postar Comentário